iParaiba
Renato fez apresentação das novas turismólogas

Alunas do curso de Turismo da Escola Redentorista – Éter – de Campina Grande na apresentação da monografia e do projeto para o desenvolvimento do turismo de cidades da Paraíba, destacaram a cidade de Montadas. Francilene Liberato, Angélica Nascimento e Walquiria Amaro, durante mais de meia hora falaram sobre a historia da cidade que fica, distante 143 km de João Pessoa e 23 km de Campina Grande, que recentemente completou 45 anos de emancipação política.

Durante a apresentação, o jornalista Renato Diniz, fez a apresentação do trio de novas turismólogas que ensinaram que a cidade de Montadas está localizada no agreste da Borborema numa área de 60 km² e aproximadamente 5 mil habitantes. Foi emancipada, do município de Esperança, em 14 de outubro de 1963; e tem na agricultura e no comércio suas principais fontes de renda. E é também um dos maiores produtores de batatinha do estado da Paraíba e ainda produz: feijão, erva-doce, milho, mandioca e batata-doce.

As alunas destacaram detalhes do aspecto físico do município de Montadas, como por exemplo, mostrando que está situado na porção central do agreste paraibano, entre 7° 08’ 26’ de latitude sul(S) e 35° 54’ 46”de longitude oeste(O/W), estando a uma altitude média de 713 metros acima do nível do mar, fato que lhe confere um clima especial, com maior umidade do que as regiões adjacentes.

Trata-se de um Município de pequena extensão que tem como limites: Norte, o Município de Areial; Sul, Puxinanã; Sudeste, Lagoa Seca; Nordeste, Esperança; Leste, Lagoa Roça e a Oeste, Pocinhos.

Elas também explicaram que o município de Montadas está situado no Polígono das Secas em uma “zona de transição climatobotânica denominada de Agreste”, mais precisamente, na Microrregião de Esperança ao lado de mais três Municípios: Areial, Esperança e São Sebastião de Lagoa de Roça.

Tendo como via de acesso ao município a rodovia PB-115, que liga o município até a comarca Esperança-PB, sendo via de acesso à cidade de Areial e ao maior centro de comércio e economia da região Campina Grande, passando assim pela cidade de Puxinanã e o distrito de São José da Mata pertencente a Campina Grande. Hoje a estrada PB-115 que liga Montadas a Puxinanã chama-se Rodovia Antonio Veríssimo de Souza, em homenagem ao emancipador da cidade de Montadas.

Fonte: Redação iParaíba